Programa de aceleração Liga IoT: startups podem se inscrever até 02.04

Com parceria da Intel, inscrições para o 1° ciclo de aceleração da Liga IoT vão até o dia 02 de abril. Plataforma irá conectar grandes empresas a startups do setor para que explorem oportunidades de negócio ou testem novas tecnologias em conjunto.

A Liga Ventures – aceleradora especializada em gerar negócios entre startups e grandes empresas – encerrará o período de inscrições da Liga IoT (https://liga.ventures/iot/) em 02 de abril. O programa de inovação aberta irá prospectar, selecionar e acelerar startups ligadas à Internet das Coisas.

A plataforma, que tem como parceira a Intel, irá selecionar cinco startups  de hardware ou software com soluções em Internet das Coisas  em temas  como agricultura, varejo, indústria, veículos conectados, automação de casas e edifícios, cidades inteligentes e outros.

Programa de aceleração IoT

As startups escolhidas passarão por um programa de aceleração de quatro meses em São Paulo. Durante esse período, elas terão acesso a  tecnologias e executivos da Intel, além do contato direto com a rede de mentores da Liga Ventures e um amplo networking com potenciais parceiros e investidores. Nenhuma contrapartida em participação societária ou propriedade intelectual é exigida das startups.

“Para elas, essa é a chance de colocar em prática projetos inovadores em um ambiente que oferece condições tecnológicas e mentorias que os auxiliarão em todo o processo”, afirma Rogério Tamassia, Sócio-diretor da Liga Ventures.

Serviço 

Inscrições para o 1° ciclo de aceleração da Liga IoT vão até o dia 02 de abril. Startups e grandes empresas que queiram saber as novidades dessa iniciativa podem acessar o site https://liga.ventures/iot/.

 Mais informações sobre a Liga Ventures

A Liga Ventures é uma aceleradora de startups focada em gerar negócios entre startups e grandes corporações. Além da Liga IoT, possui programas de engajamento entre startups e outras grandes empresas, como Porto Seguro (Oxigênio Aceleradora), AES Brasil, EMBRAER, Cisco e Mercedes-Benz. Também é parceira no Brasil da Plug and Play Tech Center, uma das maiores aceleradoras do Vale do Silício.