Inteligência artificial pode detectar orientação sexual de uma pessoa com base em foto, mostra pesquisa

Pesquisadores da Universidade de Stanford alertaram sobre as ramificações potencialmente perigosas que as máquinas de AI poderiam ter na comunidade LGBT.

A Inteligência Artificial (IA) agora pode identificar com precisão a orientação sexual de uma pessoa analisando as fotos de seu rosto, de acordo com uma nova pesquisa feita pela Universidade de Satanford, nos Estados Unidos.

O estudo da Universidade, que deve ser publicado no Journal of Personality and Social Psychology e foi relatado pela primeira vez pela The Economist, descobriu que as máquinas tinham um “gaydar” muito superior quando comparado aos humanos.

Veja matéria completa aqui por IP News.