Eletricidade será armazenada em esferas no fundo do mar – Inovação Tecnológica

Ovos marinhos

Engenheiros alemães começaram a testar o protótipo de um novo sistema de armazenamento submarino de energia.

A ideia é que usinas verdes, formadas por geradores eólicos e painéis fotovoltaicos, possam usar o novo dispositivo como um elemento de armazenamento temporário, assimilando os picos e vales das intermitências típicas dessas fontes renováveis e liberando a eletricidade de forma contínua.

O protótipo construído pelo projeto StEnSea (Stored Energy in the Sea: Armazenamento de Energia no Mar) é conhecido como “ovo marinho”, um conceito criado pelos professores Horst Schmidt-Böcking (Universidade de Goethe) e Gerhard Luther (Universidade de Saarland).

Para armazenar a energia, a eletricidade primariamente produzida pelas fontes intermitentes é usada para bombear a água para fora das esferas ocas no fundo do mar – a centenas de metros de profundidade, onde a pressão é gigantesca.

Para gerar a eletricidade quando ela for necessária, é só deixar a água fluir através de pequenas turbinas para dentro das esferas – a pressão faz o trabalho de forma lenta e controlada. Há também a possibilidade de deixar a água fluir entre esferas, algumas delas inicialmente mantidas vazias, com o processo repetindo-se indefinidamente…

Matéria completa: http://www.inovacaotecnologica.com.br/noticias/noticia.php?artigo=eletricidade-sera-armazenada-esferas-fundo-mar&id=010115161116#.WCwh3_nivDc