Criado primeiro ímã não-metálico

O magnetismo no material à base de carbono se mantém a temperatura ambiente. [Imagem: Universidade Palacky Olomouc]

Ímã de carbono

Um sonho de muitas gerações de pesquisadores acaba de se tornar realidade pelas mãos de uma equipe da Universidade Palacky, na República Tcheca.

Jirí Tucek e seus colegas criaram carbono metálico – ou, em outras palavras, os primeiros ímãs sem metais.

E, longe de ser apenas uma curiosidade científica, o ímã orgânico, feito a partir do grafeno, mantém suas características magnéticas a temperatura ambiente, abrindo caminho para seu uso prático.

Até agora os cientistas acreditavam que todos os materiais com magnetismo a temperatura ambiente deveriam se basear em metais ou em compostos metálicos.

“Tratando o grafeno com outros elementos não-metálicos, como flúor, hidrogênio e oxigênio, fomos capazes de criar uma nova fonte de momentos magnéticos que se comunicam entre si mesmo a temperatura ambiente. Esta descoberta está sendo vista como um avanço enorme nas capacidades dos ímãs orgânicos,” disse o professor Radek Zboril, coordenador da equipe.

Veja matéria completa aqui por Inovação Tecnológica.