Black Friday já tem cerca de 13 vezes mais acessos que uma sexta-feira comum

Buscapé contabilizou 273% mais acessos nas 10 primeiras horas de evento, em comparação com 2015.

O Buscapé, líder em comparação de preços no Brasil, registra um volume de tráfego mais de 13 vezes maior durante as 10 primeiras horas de Black Friday, na comparação com a média de um dia comum de vendas. Em comparação com 2015, o buscador registrou 273% mais acessos durante a Black Friday deste ano. O pico de visitas foi entre às 0h e 1h, quando o site chegou a registrar 75% mais acessos em comparação com o ano anterior. Foram 30 vezes mais acessos que um dia comum no mesmo horário.

“O e-commerce está oferecendo descontos reais e isso está atraindo o consumidor. Esse consumidor faz com que a Black Friday consolide-se cada vez mais no calendário do varejo brasileiro. Trata-se também de uma oportunidade para antecipar as compras de final do ano”, afirma Fabio Sakae, diretor de Marketing do Buscapé.

Entre os produtos mais buscados estão smartphones, televisores e notebooks. “O consumidor tem buscado equipar sua casa com aparelhos que proporcionem entretenimento e novas tecnologias, e está ainda mais conectado. O mundo já é digital e o isso reflete nas vendas, principalmente na Black Friday”, disse Fabio Sakae.

Confira as categorias mais buscadas até às 12h:

 

1o Celular e Smartphone
2o TV
3o Notebook
4o Geladeira / Refrigerador
5o Console de Videogame
6o Máquina de Lavar Roupas
7o Tênis
8o Livros
9o Fogão
10o Ar Condicionado

 

Sobre o Buscapé: líder em comparação de preços no Brasil. O Buscapé, que recebe mensalmente mais de 60 milhões de visitas, compara preços de mais de 25 milhões de produtos vendidos por 8,5 mil lojas.