Bitcoin: Solução de pagamento é lançada para compras no varejo

Com taxas abaixo da média e blindagem contra falsificações, Redecoin quer levar as criptomoedas para o dia a dia dos brasileiros.

A cada dia que passa o Bitcoin vem se mostrando um investimento bem lucrativo no mercado financeiro: só no primeiro semestre de 2017, a valorização foi de 450%. No entanto, seu uso ainda é pouco difundido fora do público dos traders. Dois empreendedores do Sul do Brasil resolveram mudar esse cenário. Com o objetivo de trazer as criptomoedas para o varejo, Rony Abreu (23) e Nik Oliveira (24) lançam em setembro a Redecoin (www.redecoin.com), gateway de pagamento que permite aos e-commerces aceitarem o bitcoin.

A solução é integrada ao sistema dos e-commerces de forma simples: é necessário apenas colar o script do gateway no código da loja. A Redecoin encarrega-se de acompanhar as oscilações do bitcoin e viabilizar as transações, comprometendo-se a repassar o valor integral das compras em reais ou na criptomoeda. E com o bitcoin não existe chargeback (quando há estorno no pagamento), situação que evita transtornos a vários lojistas. Segundo os sócios, as taxas cobradas ficam abaixo da média do mercado: entre 1% e 2,6% (esta última para conversão em reais) contra 3% a 5% dos meios de pagamento convencionais.

Veja matéria completa aqui por IP News.