5 serviços financeiros online para otimizar o dia a dia

Existem no mercado diversos produtos financeiros que fogem do tradicional modelo bancário e estão contribuindo com a rotina de milhares de consumidores, pois operam totalmente online. Esse tipo de serviço é oferecido por empresas conhecidas como fintechs, termo que advém da junção das palavras finanças e tecnologia.

As fintechs fazem parte do novo modelo de economia criativa e estão causando mudanças significativas no mercado, ao otimizar o dia a dia dos clientes que querem praticidade e conveniência aos buscar serviços financeiros. Na internet, os consumidores encontram soluções para diversas necessidades, sem precisar se deslocar até às instituições bancárias, evitando transtornos como as grandes filas.

Os serviços oferecidos por essas empresas variam entre empréstimos, investimentos, transações, câmbio e até mesmo organização financeira pessoal. Dentre as fintechs que vêm atraindo clientes por seus atendimentos online ágeis, práticos e menos burocráticos, estão:

TransferWire – Aplicativo para transferência de dinheiro para o exterior

O aplicativo ajuda o usuário com transferências entre contas localizadas em diferentes países, cobrando valor calculado a partir da taxa média de câmbio do mercado, além de uma comissão, que varia de acordo com as moedas envolvidas na transação. O total pode ser até oito vezes menor do que de uma transferência bancária padrão. O baixo custo se deve à operação do aplicativo que, em vez de transferir o dinheiro  internacionalmente e gerar impostos e taxas altas, encontra pessoas que queiram fazer transações exatamente opostas (uma que queira enviar dinheiro dos EUA para o Brasil e outra do Brasil aos EUA, por exemplo), tornando as operações nacionais, o que reduz custos. A operação não é imediata, mas acontece dentro de um prazo médio de cinco dias.

Simplic – Plataforma de empréstimos pessoais

A plataforma permite que o usuário tenha acesso a crédito de maneira prática e rápida, evitando seu deslocamento e qualquer constrangimento que poderia enfrentar no mundo físico, além de garantir sua segurança e comodidade. Cruzando inúmeras informações de mais de 200 fontes em menos de 3 segundos, a Simplic gera resposta imediata aos solicitantess. As fontes de informação consideradas vão além das tradicionais, como Serasa e SPC, permitindo que a plataforma empreste para muita gente que tem o nome considerado “sujo”, por analisar mais dados. Quando aprovado, o valor fica disponível na conta do cliente em algumas horas.

Monepp – Aplicativo para câmbio

O aplicativo acaba com a burocracia do câmbio de moedas ao facilitar o encontro entre pessoas interessadas na compra e venda destas, sem a mediação das tradicionais casas de câmbio e sem oneração de taxas de IOF. Para isso, basta o usuário fazer um cadastro e informar se quer comprar ou vender uma moeda. Os interessados na venda devem dizer quais moedas têm, quais aceitam em troca e por qual cotação. Na hora de trocar a quantia, é preciso um encontro presencial, que pode ser combinado usando chat interno do app.  Como forma de segurança, a Monepp permite que usuários avaliem uns aos outros após o negócio.

Vérios – Plataforma de investimentos

Muitas vezes não temos tempo nem paciência para acompanhar todas as nuances do mercado financeiro. Pensando nisso, a Vérios desenvolveu um sistema que se encarrega de montar uma carteira inteligente para o investidor, levando em conta vários fatores como riscos, rentabilidade, liquidez e diversificação. A plataforma faz monitoramento permanente da carteira para encontrar as melhores oportunidades e explica para o usuário como investir de maneira prática e inteligente.

Guia Bolso – Aplicativo de organização financeira

O aplicativo ajuda no controle financeiro pois reúne informações das contas bancárias e movimentações financeiras do usuário e auxilia na organização por meio de categorias reunindo todas as informações em um único local e indicando a saúde financeira de cada usuário. . Além disso, permite o estabelecimento de metas de economia e a inclusão até de gastos menores, feitos no dinheiro, por exemplo. Dessa maneira, é possível controlar os gastos sem correr o risco de esquecer de anotar as despesas no caderninho.